setembro 25 2017

Era Uma Vez – Kell Smith

Era Uma Vez, de Kell Smith, é uma música suave aos ouvidos, que me remete a doçura e a tranquilidade da infância, onde tudo era permitido dentro de minha ingenuidade, inocência e imaginação, e que quando me machucava tinha como remédio o beijo e o colo de minha mãe.

Desejei tanto crescer e quando cresci vi que vida de gente grande não é fácil, e que os perigos mudaram de proporção. A diferença é que agora, quando surgem os problemas estou por minha conta.

Escolhi a gravação feita por Bruno Gadiol para compartilhar com vocês e espero que apreciem.

(Roberta Dias)

dezembro 7 2010

Minha Filosofia…

Vai passar
Esse meu mal estar
Esse nó na garganta
Deixe estar…
O próprio tempo dirá
Água demais mata a planta

Tudo que é muito, é demais
Peço: me perdoe a redundância
Entrelinhas só quero lembrar
Que a terra fértil um dia se cansa
É uma questão de esperar
Relógio que atrasa não adianta
E o remédio que cura
Também pode matar
Como água demais mata a planta

(Casuarina – Aluísio Machado)