novembro 1 2010

Tudo sobre Steve (Maluca Paixão)

Está aí um filme que eu deveria ter ido ao cinema para assistir, porque além de engraçado, conta a história de Mary (interpretada por Sandra Bullock), uma mulher inteligente, sensível e excêntrica, viciada em palavras cruzadas, que vê em Steve (interpretado por Bradley Cooper), um cinegrafista da CNN “o amor” e passa o filme inteiro correndo atrás dele.

Enquanto “ele” a via como uma louca, desvairada, todos se comoviam e sentiam prazer em estar em sua companhia, porque havia doçura e sinceridade nela. Ela realmente acreditava na “bondade e verdade” das pessoas (algo difícil de encontrar).

Decepcionada e triste, Mary questiona o que é “ser normal”, mas não desiste de ser quem é e conclui que se é preciso correr atrás de quem se ama, é porque não existe razão pra esse amor existir.

(Roberta Dias)

maio 18 2010

Lição de Amor

Hoje a tarde percorria os canais da TV, quando parei no Tele Cine Premium e comecei a assistir o filme “Lição de Amor”.

Algo no nome das personagens e na história era familiar. Reconheci que o filme contava a história do livro “Desculpa se te chamo de amor”, de Frederico Moccia, com riqueza de detalhes.

É diferente assistir um filme quando conhecemos a história por completo. Foi gostoso reviver o que li e tudo que imaginei tomou outra forma. O filme dá um rosto específico para cada personagem, mas o livro proporciona liberdade total para imaginar rostos, paisagens, cenas de amor, brigas, sorrisos e lágrimas.

Embora o filme tenha respeitado e apresentado todos os acontecimentos, o que me fez considerá-lo um ótimo trabalho, prefiro ler e ter a minha própria interpretação.

É isso!!!