dezembro 25 2010

Glória…

Obrigada Pai pela noite linda, pela mesa farta e acima de tudo por estarmos juntos apesar dos tropeços e balanços.

Nesses 28 anos de convivência sempre deixamos as diferenças de lado, partindo em direção do socorro mútuo.

Te agradeço humildemente por tudo…

Pelo Ser ainda pequenino no ventre da Alessandra. Que esta criança venha com saúde e para somar, aprender conosco e também nos ensinar.

Hoje acordei e vi um dia lindo. Levantei correndo para ir de encontro ao meu pai. Nem tinha escovado os dentes e como não podia falar, dei-lhe o meu bom dia roçando a minha cabeça de um lado para o outro nas costas dele como uma gatinha manhosa e ele compreendeu o meu gesto, retribuiu com aquele sorriso bom que só um pai ou uma mãe podem nos dar.

Estou muito feliz! Feliz por ontem, feliz por agora e mais ainda por ter sido capaz de me doar.

Amar sempre Senhor, mendigar amor jamais.

Feliz Natal para todos!!!

(Roberta Dias)

dezembro 24 2010

Correria total…

Olá para todos!!!

A correria é total…

Ontem (23/12) teve a festa de confraternização do Curso de Desenho. Depois posto algumas das fotos para que conheçam a equipe da qual faço parte.

Hoje já é véspera de Natal e como em todos os anos, aqui estamos reunidos na casa dos meus pais e com vizinhos de pelo menos uns 20 anos.

Uma trabalheira danada para preparar as coisas, mas nós aqui dividimos as tarefas, o que facilita bastante … sorriso grande…

Espero que todos tenham um Natal bacana e que nunca falte o Pão e nem o Vinho em nossas mesas.

Beijo carinhoso,
Beta

dezembro 22 2010

Dia especial

Não sei o que está reservado para mim hoje, mas antes de qualquer coisa agradeço por cada dia de vida e em oração eu te peço Senhor, Deus do Amor, ensina-me a amar mesmo que…

Meus olhos se fechem,
Meus ouvidos se ensurdeçam,
Minha boca silencie,
Meus braços e pernas se cansem,
O mundo me apresente outros valores,
Os meus irmãos me traiam,
A esperança se vá,
Nos momentos sem fé,
Ensina-me a amar.
Eu quero amar Senhor,
Primeiro a Vós e depois aos meus irmãos.
Quero amar a mim mesma, sem egoísmos, mas como templo do Vosso Santo Espírito.
Amém.

(Livro Ágape – Padre Marcelo Rossi)

novembro 9 2010

Aquarela…

Na aula passada eu estava sonolenta, no mínimo com aquela cara de: “ai, quero minha cama! O que to fazendo aqui?

Atenta e sensível, minha professora me deu aquele abraço caloroso, daqueles que animam qualquer pessoa e me propôs que eu não seguisse o meu cronograma naquele dia. Daí ela disse: hoje você vai aprender “Aquarela”.

Olhei espantada e respondi que não podia, não tinha levado material pra esse tipo de aula. Alegre ela respondeu que material não era o problema e me entregou um livro lindo, só de orquídeas.

Gente, quando vi todas aquelas cores, fui tomada por uma paixão tão gostosa… Mas e aí, qual escolher? Me decidi por uma aparentemente mais simples, porém linda, chamada popularmente de “Olho de Boneca”.

Peguei a folha, risquei em traços leves a flor e finalmente recebi a explicação de como funciona aquarela.

Comecei a brincar. No início fiquei meio impaciente, porque no grafite faço o risco do desenho e vou aplicando as técnicas, vou dando vida ao desenho continuamente até que ele fique pronto e gosto disso, começar e terminar, ver o resultado, mas em aquarela não é assim, faço uma parte e vou para outra e outra, até que onde já mexi esteja seco pra que eu possa trabalhar novamente naquela área.

Arre… Sou muito agitada, não nasci antes de nove meses, mas normalmente quero as coisas pra ontem e já que comecei, agora vou até o fim e vou procurar fazer da melhor forma possível. Quem sabe acabo gostando? …rsrsrsrs

Ouvi um professor lá do curso dizer, que “ser professor” não significa simplesmente ensinar ao aluno seus conhecimentos ou dizer a ele as coisas que existem, mas sim ter a sensibilidade e habilidade de extrair a “Arte” escondida dentro do “Eu” mais profundo dele.

Isso me fez enxergar e pensar em tantas coisas…

(Roberta Dias)